quarta-feira, 26 de maio de 2021

Ore Por Seus Inimigos

Ore Por Seus Inimigos
Pray For Your Enemies
26 de Maio, 2021

 Que a alegria do Senhor seja nossa força, queridos Moradores do Coração.

Ontem foi nossa segunda noite como comunidade, onde nos reunimos na casa de Madre Clare para rezar o Rosário em grupo. Ao oferecermos nossas intenções de oração e rezarmos o Rosário, nós podíamos sentir fortemente a presença reconfortante de Nossa Senhora. Tive a sensação de que um sofrimento estava chegando e que tudo ia ficar bem e ouvi claramente as palavras ... "Ore para frente."

A Mãe Santíssima começou: “Eu sei filha que você está preocupada com a situação, mas meu Filho está preocupado com a condição desta alma e de sua família”. E aqui a Mãe Santíssima está se referindo a uma situação que recentemente surgiu e agora o inimigo está tentando agitar as coisas contra nós.


Mãe Santíssima continuou: "Tenha paz, minha filha, e une-se ao coração de meu Filho, que é amar seus inimigos e orar por eles. Faça o bem àqueles que intencionalmente ou não tentam prejudicá-los. Mantenha uma postura de oração e ouça minhas instruções. Sejam corajosos e não temam o que parece ser um obstáculo, mas voltem seu olhar para meu Filho e meditem em como Ele não cessou de orar a Seu Pai Celestial por Seus inimigos, e assim todos vocês sairão vitoriosos.

“Você tem orado no Espírito, continue a fazê-lo ainda mais agora, pois isso agrada ao Senhor. Não diz em Mateus 5: 43-48: “Ouvistes que foi dito: Amarás o teu próximo, e odiarás o teu inimigo. Eu, porém, vos digo: Amai os vossos inimigos, abençoai os que vos amaldiçoam, fazei o bem aos que vos odeiam, e orai pelos que vos tratam com maldade, e vos perseguem; para que sejais filhos do vosso Pai que está nos céus; porque ele faz que o seu sol se levante sobre maus e bons, e faz chover sobre justos e injustos. Pois, se amardes os que vos amam, que recompensa tereis? Não fazem os publicanos o mesmo? E, se saudardes somente os vossos irmãos, o que fazeis mais que os outros? Da mesma forma até os publicanos? Sede vós, pois, perfeitos, como é perfeito o vosso Pai que está no céu.”

Mãe Maria continuou: “Deixe de lado qualquer amargura ou ressentimento em relação a eles, quando você fizer isso, suas orações serão muito mais eficazes. Mantenha seu foco em meu Filho e peça que seu coração seja transformado. Você sempre me pediu emprestado meu coração para que pudesse entender Seu coração. Eu vou te ajudar a conseguir isso seja paciente, querida. Sei que nem sempre é fácil amar e orar por aqueles que ferem aqueles que amamos. Foi extremamente difícil continuar orando por aqueles que perseguiam e crucificaram meu amado Filho, tive que unir meu coração ao dEle para entender verdadeiramente Seu grande amor por eles. Mantenha seu coração puro e suas intenções de oração verdadeiras, eu guiarei todos vocês que colocam de lado seus próprios sentimentos e conforto para orar por outro, especialmente aqueles que os magoaram.” E esse foi o fim de sua mensagem.

Lembro-me no treinamento de vendas onde fomos ensinados a mostrar aos nossos inimigos o respeito genuíno que todos merecem e aprender a pensar neles com compaixão. Acredite em mim, isso requer prática e, ao cultivar a compaixão, ajuda visualizar nossos inimigos como as crianças inocentes que eles foram e de alguma forma permanecem. Encontre seus inimigos em sua imaginação, sempre no nível dos olhos. Faça todos os esforços para conhecê-los e entendê-los melhor, suas esperanças, seus medos, preocupações e aspirações. Busque objetivos comuns e tente explorar juntos maneiras de alcançá-los. Não se apegue às suas próprias convicções, examine-as à luz das convicções dos seus inimigos com toda a sinceridade que puder reunir. Não julgue as pessoas, mas observe atentamente o efeito de suas ações. Eles estão construindo ou colocando em risco o bem comum? Dê uma olhada sóbria nos objetivos de seus inimigos e avalie-os com justiça.

A fim de neutralizar seus inimigos efetivamente em um determinado assunto, ore por eles, isso desarma totalmente os demônios. Sempre que possível, mostre bondade a seus inimigos. Faça-lhes o melhor que puder e não seja guiado por depoimentos humanos, mas por aqueles do Espírito.

Treine-se no caminho da paz de Deus. Seu coração pode estar cheio de angústia e mágoa, mas ainda pode transbordar de amor. Perdão, paz e amor são elementos-chave para dominar os inimigos com a atitude certa. O ódio e a amargura devem morrer ao pé da Cruz. Não devemos nos aproximar da cruz com ressentimento em nossos corações. Peça a graça de amar nossos inimigos, como nosso Senhor Jesus e Mãe Maria nos mostraram como o amor puro realmente se parece.

Deus os abençoe, queridos Moradores do Coração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário